sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Tempero de Azeitonas



Quando faço alguma festinha ou churrasco, costumo temperar as azeitonas uns dias antes para as deixar marinar e ficam muito gostosas.

Ingredientes:

Azeitonas mistas q.b.
Alhos q.b.
Coentros q.b.
Orégãos q.b.
Azeite q.b.
Sumo de limão q.b.
Sal q.b.


Preparação:

Retalhar as azeitonas (dar-lhe dois golpes), se necessário, porque existem já à venda retalhadas. Uns dias antes de as utilizar, retirá-las da água e temperá-las, com os alhos picadinhos, os coentros, os oregãos, sumo de limão, sal (se necessário, geralmente elas já vem salgadas de compra) e por fim azeite. Deitá-las no frasco onde vinham quando as comprou e deixá-las marinar até ao dia de as utilizar.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Bolo Carta de Condução


No dia 22 de Outubro, dia seguinte ao do aniversário da minha filha, o meu sobrinho, com 18 anos, foi a exame de condução e passou.
A minha filha, pediu para eu fazer um bolinho surpresa para presentear o primo no dia da festa de aniversário dela. Assim foi, o bolo ficou pequenino mas muito engraçado, ele adorou a surpresa, a prima adorou programá-la e eu gostei muito de fazer esta gracinha para o meu menino que já tem 18 anos e carta de condução (que perigo).
Beijinhos aos dois marotos, que foram logo dar uma volta de carro,sem autorização de ninguém, é que ele acabou de passar na condução e resolveu ir buscar a prima à escola no final do dia e levá-la a casa... amizade linda!!!

O bolo por dentro é um pão de ló simples, o recheio, o creme de barrar e a pasta de decoração é a mesma do bolo de aniversário da filha, que podem ver neste post.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Bolo 14 Anos

Esta foi a minha primeira experiência a trabalhar com pasta portuguesa, confesso que na parte de esticar a massa para tapar o primeiro bolo tive alguma dificuldade, mas depois os outros foi bem mais fácil.
O sabor da pasta portuguesa, tem um aroma de limão, pessoalmente gosto mais do que a de massapão. De qualquer forma este tipo de bolos são muito bonitos visualmente.
A minha filha para começar pediu logo um bolo "muito fácil" de três camadas...


Ingredientes e preparação do bolo:

300 g de açúcar
6 ovos
100 g de maizena
50 g de chocolate em pó
150 g de farinha
1 dl de água morna
1 dl de óleo
3 clh. chá de fermento em pó


Juntar o açúcar e as gemas, depois o chocolate diluído na água morna e o óleo. Em seguida, juntar a farinha maizena, a farinha de trigo e o fermento em pó. Por fim junte as claras em castelo e leve ao forno a 180º por 45 m. Estas quantidades dá um bolo enorme, mas em tive de dobrar a massa para fazer este triplo.


Ingredientes e preparalão para o recheio interior:

3 pacotes de pudim Boca Doce de Leite condensado

Preparar o pudim conforme as intruções, mas com metade do leite indicado. Deixar arrefecer mexendo sempre e no final rechear os bolos.



Ingredientes e preparação para o creme ao qual a pasta portuguesa se vai agarrar:

0,5 Kg de açúcar em pó
400 g de margarina à temperatura ambiente
3 clh. sopa de essência de baunilha




Bater tudo muito bem, e no fim barrar os bolos par os acertar, ou seja, deixá-los o mais lisos possível.

Preparação da pasta portuguesa:

750 g de pasta portuguesa rosa choc
250 g de pasta portuguesa branca

Amassar bem a pasta, com as mãos. Depois em cima de uma superfície salpicada com farinha impálpavel, esticar a massa, e com a ajunda do rolo pô-la em cima do bolo e com as mãos acertar os lados.
Para fazer o tom de rosa médio, juntei branco com um pouco do rosa choc.
Para as flores, usei um cortador de margaridas.
No final, dipôs os bolos uns por cima dos outros, e decorar com as margaridas.

Este bolinho deu tanto trabalho, que até estou cansada de fazer o post. Filhota para a próxima pede um de uma só camada, por favor... hi... hi...

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Parabéns Luz da Minha Vida

Hoje a minha linda filhota faz, 14 aninhos.




Acredita em ti própria,
embora às vezes possas sentir
que o peso é superior
às tuas forças.
Lembra-te que é necessário
paciência e confiança
para atravessar os momentos
de mudança na vida e tornar
os sonhos realidade.





Voçê cresceu tão depressa, gatinha...

Amo-te!


Mãe

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Corvina no Forno com Batata Doce



Ingredientes:

1 Corvina
sal e pimenta q.b.
sumo de limão
batata doce q.b.
batata normal q.b.
umas tiras de pimento vermelho
salsa q.b.


Preparação:


Depois de amanhada a corvina, tempere com sal, pimenta e sumo de limão e deixe-a tomar o tempero.
Descasque as batatas, corte as batatas doces em tiras sobre compridas e as batabtas normais aos quadrados, lave-as e tempereas com um pouco desal.
Disponha a corvina no centro de um tabuleiro e em roda dela as batatas doces e depois em roda destas, as batatas normais.
Por cima disponha umas tirinhas de pimento vermelho e salsa, regue com um fiozinho de azeite e leve ao forno médio (180º), por cerca de 50 minutos, ou até estar assado.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Pudim de Fiambre



Ingredientes:

400 g de fiambre
60 g de margarina
3 ovos
2,5 dl leite
12 a 14 fatias de pão de forma sem côdea
sal, pimenta, q.b.
tomate para acompanhar
salsa para enfeitar
papel vegetal


Preparação:


Unter uma forma tipo inglês com margarina e uma folha de papel vegetal.
Bata os ovos inteiros com o leite, e temnpere com o sal e a pimenta.
No fundo e lados interiores da forma, ponha uma camada de fatias de fiambre.
Depois disponha no fundo uma camada de fatias de pão de forma, embebidas no leite e ovos batidos. Sobre a camada do pão, disponha outra camada de fiambre e assim posteiormente, até encher a forma, sem do última de pão.
Se sobrar liquído, vazar por cima da última camada de pão.
Leve a forno a 180º, cerca de 40 minutos. Espete um palito para ver se está cozido.
Depois de pronto, vire sobre uma travessa e sirva frio ou quente, com uma salada e ketchup se gostar.


sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Tarte de Pêra Rocha

Esta receita, foi retirada de uma Teleculinária muito antiga. Como tinha pêra rocha em casa, já que sou do Oeste, vai de experimentar esta tartezinha. Gostamos muito cá em casa, e fresquinha ainda é mais saborosa.


Ingredientes:

1 base massa quebrada
700 g de pêra rocha madura
50 g de margarina
200 g de açúcar
2 ovos inteiros
umas gotas de sumo de limão
geleia transparente q.b.


Preparação:


Forre um forma com
a massa quebrada e reserve.
Descasque as pêras e corte-as em oitavos, dispondo-as na forma já forrada com a massa quebrada.
Numa tijela à parte, bata o açúcar com a margarina derretida, os dois ovos inteiros e umas gotas de limão.
Quando este preparado estiver bem batido, deite-o por cima das pêras dispostas na forma.
Leve ao forno a 180º, por cerca de 40 a 50 minutos.
Depois de a retirar do forno., pinçele com geleia.

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Lombo com Tâmaras, Nozes e Maçã



Aproveitando a época das maçãs reinetas, que são ótimas para sobremesas, resolvi salteá-las e acompanhar um lombo de carne.


Ingredientes:

1 Kg lombo de porco s/ osso
250 g de tâmaras sem caroço
100 g de nozes partidas4 maçãs reinetas
1 dl de vinho branco
2 folhas de louro
Sal q.b.
pimenta q.b.
maragarina q.b.
cordel de culinária


Preparação:

Pique as tâmaras e as nozes e reserve.
Com uma faca afiada, corte o lombo de modo a dar-lhe uma forma de quadrado, e deite-lhe por cima as tâmaras e as nozes, conforme mostra a foto.
Enrrole a carne com a forma inicial e ate-a com cordel próprio de culinária.
Deposite o lombo da carne num tabuleiro já untado com um pouco de margarina, tempere a carne com sal e pimenta, e no tabuleiro deite o vinho branco e as duas folhas de louro.
Leve ao forno a 180º, durante aproximadamente uma hora, dependendo do forno e do tamanho do lombo.
Descasque as maçãs e corte-as em quartos e saltei-as com um pouco de manteiga numa frigideira.
Depois de pronto, sirva a carne com as maçãs salteadas e um arrozinho branco.


segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Parafusos de Manteiga


Estes biscoitinho de manteiga, fiz para levar para a praia nas férias, mas só agora consegui postar. Eram muito bons, a filhota e os sobrinhos desapareciam com eles num instante.


Ingredientes:

250 g de farinha
115 g de manteiga à temperatura ambiente
100 g de açúcar
1 ovo grande
1 clh. sobremesa de baunilha
1/2 clh café de sal


Preparação:

Numa tigela e com as mãos, juntar a farinha com a manteiga à temperatura ambiente, cortada aos quadradinhos. Depois de bem misturado, juntar os restantes ingredientes, o açúcar, o ovo, a baunilha e sal. Bater bem a massa, enrolá-la em forma de bola, com película aderente em volta e deixar descansar por meia hora.
Entretanto, cortar bocadinhos de massa, enrolar em forma de rolinho e dar-lhe a forma do bolinho da foto.
Levar a forno pré-aquecido a 180º cerca de 15 minutos.



sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Castanha Portuguesa


O castanheiro português é uma árvore de folha caduca, que pode atingir mais de um milhar de anos de idade. Os seus frutos são as conhecidas e apreciadas castanhas.
Dos alimentos mais antigos da humanidade, as castanhas são nutricionalmente ricas
em vitamina C e vitaminas do complexo B, boas fornecedoras de minerais como o cálcio, o potássio e o magnésio e excelentes fontes de energia pela sua riqueza em amido.
Sob o ponto de vista culinário são bastante versáteis. Outrora eram vulgarmente usadas na alimentação diária, como acompanhamento, ou na preparação de sopas, purés, ensopados, guisados, e até no fabrico de pão, biscoitos ou bolos. Com a introdução da batata nos nossos hábitos alimentares o seu consumo foi gradualmente diminuindo.
A época natural da castanha vai de fins de Setembro a meados de Fevereiro, mas pode encontrar no mercado castanha descascada e congelada, ao longo de todo o ano.


Também a nível cultural as castanhas tem no fado, um dos hinos ao nosso vendedor de castanhas assadas, letra de Ary dos Santos, música de Paulo de Carvalho, com a interpretação de Carlos do Carmo:

Na Praça da Figueira,
ou no Jardim da Estrela,
num fogareiro aceso é que ele arde.
Ao canto do Outono,à esquina do Inverno,
o homem das castanhas é eterno.
Não tem eira nem beira, nem guarida,
e apregoa como um desafio.

É um cartucho pardo a sua vida,
e, se não mata a fome, mata o frio.
Um carro que se empurra,
um chapéu esburacado,
no peito uma castanha que não arde.
Tem a chuva nos olhos e tem o ar cansado
o homem que apregoa ao fim da tarde.
Ao pé dum candeeiro acaba o dia,
voz rouca com o travo da pobreza.
Apregoa pedaços de alegria,
e à noite vai dormir com a tristeza.

Quem quer quentes e boas, quentinhas?
A estalarem cinzentas, na brasa.
Quem quer quentes e boas, quentinhas?
Quem compra leva mais calor p'ra casa.
.../....



Carne de Porco com Castanhas

Ingredientes:

1 Kg de carne de porco magra
2 dl de vinho branco
1 clh. sobremesa de colorau
sal e pimenta q.b.
1 dente de alho
1 folha de louro
óleo q.b.
1 Kg de castanhas
6 cebolinhas pequenas
salsa a gosto
batatas aos quadrados q.b.


Preparação:

Corte a carne em pedaços pequenos
, tempere com sal, colorau, vinho branco, pimenta, o dente de alho e a folha de louro. Deixe nesta marinada durante algumas horas.
Numa frigideira aqueça bem o óleo, escorra a carne e frite-a, mexendo de vez em quando.
Quando estiver lourinha de ambos os lados, junte a marinada e deixe ferver, juntando depois as castanhas e as cebolinhas.
Descasque as batatas corte-as e cubos mais pequenos que a carne e frite-as.
No final do prato pronto, salpique com salsa.

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Carolinos

Ingredientes:

0,5 Kg açúcar amarelo
3 ovos
250 g de farinha de trigo
3 dl de leite
150 g de miolo de noz
1 clh. sopa de margarina derretida
1 clh. sopa de mel
1 clh. sopa de canela
1 clh. chá de bicabornato

Preparação:

Numa tijela, junte o açúcar com os ovos inteiros e bata bem. Junte depois, a canela, o mel, o bicabornato de sódio, a margarina derretida, o leite e a farinha e bata muito bem.
Unte um tabuleiro com margarina e farinha, usando uma folha de papel vegetal.
Vase o preparado no tabuleiro, leve ao forno a 180º, durante 20 minutos. Passados aí 5 minutos do início da cozedura polvilhe o tabuleiro com as nozes picadas e deixe cozer.
Desenforme o bolo e deixe arrefecer, depois corte em quadrados e polvilhe-os com açúcar, enfeite com uma noz.

domingo, 3 de outubro de 2010

Torta de Espinafres


Ingredientes:

0,5 Kg de espinafres
5 ovos
1 dl leite
6 clh sopa de farinha de trigo


1 cebola picada1 dente de alho picado
400 g de bacalhau desfiado
3 dl de leite
3 clh. sopa de farinha de trigo
0,5 dl de azeite
sal q.b.
pimenta q.b.
noz moscada q.b.


Preparação:

Cozer os espinafre, escorrê-los bem e triturá-los.
Com o puré dos espinafres, já frio, juntar as gemas, o leite, as 6 clh. de farinha e as claras batidas em castelo.
Deitar num tabuleiro forrado e untado com papel vegetal e levar ao forno a 180º cerca de 20 minutos.
Entretando prepare o recheio para a torta. Num tacho, deite a cebola, o alho, o azeite e deixe a cebola murchar. Junte depois as migas de bacalhau, já demolhadas do dia anterior, e deixe cozinhar um pouco.
De seguida, junte as 3 clh. farinha, o leite, tempere de sal, pimenta e noz moscada. Mexa o preparada até ele engrossar.
Desenforme a torta em cima de um pano, deite-lhe o creme de bacalhau por cima e enrole delicadamente. Decore com um pouco de maionese e tomate.

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Tarte de Pêssego


Ingredientes:

1 base de massa quebrada
1 lata de pêssego em calda (grande)
6 gemas
200 ml de natas
100 g de açúcar
75 g de amêndoa granulada

Preparação:

Forre uma forma de tartes com a massa quebrada.
Corte o pêssego em bocados pequenos e reserve.
Numa taça, bata muito bem as gemas com o açúcar. De seguida junte a amêndoa e as natas.
Por fim junte o pêssego as pedacinhos, envolva tudo e verta para dentro da forma.
Leve ao forno a 180º, cerca de 40 minutos.
 

Papinha Doce Template by Ipietoon Cute Blog Design