segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Alheira de Mirandela



As alheiras deste post foram-me oferecidas pela Filipa, namorada do meu sobrinho, a família dela é da região onde se fazem excelentes alheiras e quando vão lá de visita vem sempre abastecidos de coisas deliciosas. Obrigada, à familia Estevão.
Como fritar a alheira sem ela se desfazer? Esta é a questão que toda a gente se põe quando pretende preparar a alheira frita, vou tentar explicar a técnica que uso para que elas fiquem perfeitinhas.
 
Colocar o óleo na frigideira a aquecer, deverá ser em quantidade que sobreponha totalmente a alheira quando colocada a fritar.
Com uma faca bem afiada, dar um corte longitudinal ao longo de toda a alheira na parte de fora, este corte tem de ir de um nó ao outro da alheira.
Quando o óleo estiver bastante quente, colocar a alheira segurando-a pelo cordão que a une, nos segundos seguintes a pele sai imediatamente, depois é só deixar fritar até dourar um pouco. Retirar com uma escumadeira e deixar a escorrer sobre papel de cozinha, para absorver um pouco o óleo.
Atenção, só deve fritar uma alheira de cada vez, porque se fizer mais que uma o óleo arrefece bastante e esta técnica não funcionárá.
 
Acompanhei a alheira frita com batata frita, arroz branco, um ovo frito e uma saladinha.
 
 
 

22 comentários :

  1. Olá...
    Que belo aspecto ;).... Adoro :)... Nham nham :)... Bjokas...

    http://nacozinhadaleonor.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Adoro alheira, mas já há uns anos que deixei de fritar e só faço no forno! Mas gostei muito da tua técnica de fritar!!

    Beijinhos e boa semana*

    ResponderEliminar
  3. Minha mãe fazia que saudade. Adorei seu cantinho cheio de delicias.
    Tenha uma ótima semana.

    ResponderEliminar
  4. Hum... comeria este pratinha agora mesmo, gostei das dicas, vou tentar usar para as frituras de linguiça e ver se dar certo.
    bjo

    ResponderEliminar
  5. Feliz segunda-feira!!
    Ótima dica para o almoço, com esse calor é uma receita fácil e leve, gostei.
    Beijinho
    Nicinha

    ResponderEliminar
  6. Buen embutido allá por la tierra de la novia de tu sobrino.

    Me gusta la idea de freirlo para que no se deshaga.

    ResponderEliminar
  7. Que delicia, gosto muito de alheira e esta ficou mesmo perfeitinha!!!

    ResponderEliminar
  8. Cá em casa a alheira é sempre assada no forno, também fica uma delícia :D

    Beijinhos e tem uma boa semana :D

    ResponderEliminar
  9. Sou uma fã incondicional deste petisco.
    Beijocas

    ResponderEliminar
  10. gosto mt mas nunca consigo fazer como tu eles desfazeise todas por isso abandono adorei as tuas super bjs

    ResponderEliminar
  11. Que bela refeição ;)
    beijinhos
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. uma técnica bem melhor e a VERDADEIRA TÉCNICA (a transmontana)b é :

    1º a alheira come-se com ''pele'' , ou seja, não se retira a tripa - que é comestível óbvio

    2º o preparado da alheira já leva gordura suficiente . por isso a alheira coloca-se no grelhador sem adicionar óleo, azeite ou manteigas

    3º é simples : grelhar sem virar a alheira . Só se vira uma vez e ela não vai abrir ou rebentar

    p.s.: sou filha de transmontana, e sempre fiquei chocada com a ''destruiçao'' que os restaurantes andam a fazer da gastronomia tipica... vol-au-vent de alheira?! alheira confitada?! ó pá , alheira ''a sério'' é a melhor, mais tipica e mais saborosa : easy - sem gorduras, óleos e muitas tretas ! só um grelhador e uma boa alheira caseira de Valpaços , Mirandela, Vinhais ...whatever

    ResponderEliminar
  13. óptima técnica... tenho de experimentar!!

    ResponderEliminar
  14. Hummm...adorei...eu comeria muito e te confesso que comeria o dobro das batatinhas...pois amo de paixao....aiaiai...vamos engordar felizzzz...=DD

    Beijocas

    http://virandocomida.blogspot.com

    ResponderEliminar
  15. Adoro! a ultima vez fiz no forno com a pele e só a piquei, ficou muito bom! bjks

    ResponderEliminar
  16. Uma técnica que desconhecia, obrigada por partilhares :)

    beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Olá querida passando para conhecer seu blog.
    Esta perfeito , deu até fome. Bjos

    ResponderEliminar
  18. Estas alheiras portuguesas parecem muito saborosas.Aqui no Brasil costumamos ter linguiças portuguesas que são defumadas e linguiça calabresa.
    Temos também grande variedades de linguiças frescas, mas nada igual às alheiras Portuguesas.
    Adorei sua receita.Beijos

    ResponderEliminar
  19. Adoro alheira e por acaso tenho umas para fazer este fim de semana, mas estou a pensar fazer no forno, o que será uma estreia :)

    Bjs

    ResponderEliminar

 

Papinha Doce Template by Ipietoon Cute Blog Design