segunda-feira, 15 de abril de 2019

Cabrito à BAJ



Esta é uma receita que me foi passada por um grande amigo da família, não tem quantidades certas e eu reproduzo a receita tal qual, ele me passou num papel.
Pode ser adaptada também ao borrego, e foi isso mesmo que eu fiz. A carne fica fantástica.



Cópia da receita tal como me passaram:

1. Limpar de algumas gorduras.
2. Lavar com vinho branco.
3. Esfregar toda a carne com sal.
4. Fazer um bom refogado até a cebola ficar um pouco loura, não totalmente, com azeite, cebola, alho, salsa e louro (cujo molho se vai aproveitar para levar o cabrito ao forno).
5. Colocar a carne dentro do tacho, e de seguida, acrescentar ao molho do refogado os seguintes ingredientes:
   a) Vinho branco e água fervida*;
   b) Banha e um bocadinho de margarina;
   c) Calda de tomate e colorau, estes dissolvidos numa tigela com vinho branco e espalhar pelo tacho;
   d) Três a quatro cabeças de cravinho em grão ou alecrim;
   e) Um bocadinho de piri-piri (pouco por causa das crianças);
6. Cozinhar, a principio em lume normal, mas depois em lume brando até dar um bom entalão, ou seja, até que a carne espete menos mal, sem que fique muito cozida, já que é para, depois, ainda ir ao forno a assar com as batatas.
7. Não esquecer por um bocadinho de whisky que ou aguardente e vinho do Porto ou vinho doce, a meio do "campeonato".
BAJ

(*) Convém que o molho, no seu conjunto, tape, mas pouco, a carne no tacho e devem ver ver amiúde, se é necessário acrescentar molho.


0 comentários :

Enviar um comentário

 

Papinha Doce Template by Ipietoon Cute Blog Design