sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Bolo de Arroz


Este bolo de arroz já tinha feito à um tempinho, mas ainda não tinha tido oportunidade de postar.
Quando usava farinha de arroz era sempre da marca Ramazzotti, agora como fechou a empresa, nem sei o que anda por aí no mercado, tenho de verificar.
Tenho imensa pensa que uma empresa com mais de 60 anos de existência, como a Ramazzotti, não tenha resistido aos tempos economicamente adversos que passam pelo nosso país.


Ingredientes:

100 g de farinha de arroz
200 g de farinha  de trigo
200 g de açúcar
100 g de manteiga
4 ovos inteiros + leite q.b. até prefazer 3 dl
raspa de 1 limão
1/2 colh. chá de fermento em pó


Preparação:


 

Com a batedeira eléctrica, comece por bater a manteiga amolecia com o açúcar e a raspa do limão.
Junte depois ao bolo os 3 dl de liquído (ovos+leite), voltando a bater muito bem o preparado.
Junte então as farinhas com o fermento, envolvendo-as suavemente no preparado, aqui já apenas com uma vara de arames.
Polvilhar de açúcar por cima do bolo e levar a forno a 180º, cerca de 30 a 40 minutos ou até estar cozido.



segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Tarte Folhada de Maçã


Como se aproxima a época de Natal e os afazeres geralmente aumentam, aqui fica uma sugestão rápida para uma sobremesa.


Ingredientes:

2 base massa folhada redondas
5 maçãs (usei reineta, mas pode ser outra)
1 clh. de chá de canela
3 clh. sopa de açúcar
sumo de um limão


Preparação:

Forrar uma tarteira com uma massa folhada e picar o fundo muito bem com um garfo.
Descascar as maçãs e cortá-las em forma de meias luas muito finas e colocá-las numa tigela onde aí irá juntar o sumo do limão, o açúcar e a canela, envolvendo tudo muito bem.
Deitar o preparado das maçãs na tarteira e dobrar as bordas da massa folhada para cima das maçãs.
Com a segunda massa folhada, tapa a tarte.
Atenção pois as duas massas tem de ficar bem juntas, ou seja a massa de cima terá de ficar entre a tarteira e bem junto à massa de baixo, se necessário ajuda com o papel vegetal de baixo ao levantar um pouco a tarte de lado aos poucos.
Depois não esquecer de picar muito bem a massa folhada.
Forno a 200º até a massa folhada estar dourada.

 
 

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Frango no Tacho com Presunto




Mais uma forma de preparar frango, uma carne que cá em casa ninguém dispensa.


Ingredientes:

1 frango
4 cravinhos
1 cebola cortada em meias luas
4 dentes de alho esmagados c/ casca
75 g presunto aos pedacinhos
1 raminho de salsa
2 dl de azeite
1 dl de vinho branco
1 clh. chá de pimentão doce
2 clh. sopa de polpa de tomate
sal e pimenta q.b.


Preparação:


Num tacho coloque os pedaços de frango, a cebola, os alhos, o cravinho, o azeite, o vinho branco, o pimentão, a polpa do tomate e a salsa.
Leve o tacho ao lume e deixe cozinhar em lume brando.
Quando o frango já tiver quase pronto junte o presunto aos pedaçinhos e deixe ao lume mais uns minutos, depois prove e tempere de pimenta e sal se necessário.
 
 

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Travesseiros de Coco com Massa Filo


Estes são uns travesseirinhos muito mimosos que fiz para um lanchinho. Usei massa filo, mas julgo que com folhada também não deve ficar nada mal... a experimentar.


Ingredientes:

Massa filo q.b.
400 g de coco
1 ovo inteiro
1 lata de leite condensado
1 clh. de chá de canela
manteiga derretida q.b.



Preparação:

Começe por preparar o recheio, juntando o coco, com o leite condensado, o ovo e a canela, incorporando bem todos os ingredientes. Se achar que o preparado está muito seco, poderá juntar ainda outro ovo. Reserve.
Entretanto corte a massa filo em rectângulos e separe as folhas da massa filo em dois montes.
No primeiro monte pincele com manteiga derretida, sobrepondo com folhas do outro monte por cima da folha pincelada.
Disponha uma quantidade do preparado em cada conjunto de folha filo já preparada e dê-lha e forma de um travesseiro.
Leve ao forno até ficarem dourados e depois de frios polvilhe com açúcar em pó.


quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Coelho Grelhado com Molho da Fressura




Estes são coelhos caseiros, criados pelos meus pais e neste domingo resolvi cozinhá-los de forma diferente e convidá-los para provarem. A receita ficou aprovadissíma por eles e cá por casa também.


Ingredientes:

2 coelhos preparados para grelhar

1 cabeça de alho
100 g de banha
meia colher sopa de pimenta preta
1 colh. sopa de sal

fressura* (fígado e rins do coelho)
1 folha de louro
2 dentes de alho
1 dl de vinho branco



Preparação:

Numa taça junte a banha, o sal, a pimenta preta e a cabeça de alho descascada, bata e faça uma papa, depois é só barrar os coelhos e pôr no grill do forno, com o tabuleiro de baixo a aproveitar o molho que cai da assadura e assim com esse molho vai-se pincelando os coelhos. Aproveitei mesmo esse molho para uma tacinha.
Com a fressura do coelho, preparei um molho creme que serviu para acompanhar com o puré de batata e que foi um sucesso.
Levei a cozer num tacho e com pouca água as miudezas, mais o louro e dois dentes de alho.
Depois de cozido escorri quase toda a totalidade da água e juntei o vinho branco, parte do molho que aproveitei de grelhar o coelho e bati com a varinha mágica, verifiquei o tempero e levei novamente ao lume até ferver.
Servir este molho acompanhado de puré de batata, é delicioso, mesmo para quem não aprecia fígado cá em casa, este molho foi aprovado.


 
* conjunto das vísceras dos animais que se aproveitam na alimentação.

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Compota de Amora


Esta foi uma colheita de amoras silvestres, feita num final de dia de Verão.
Para mim, melhor que a compota foi o convivio, por isso deixo aqui o meu agradecimentos a todos os meus ajudantes nesta recolha de amoras. 


Filhota e sobrinho - Verão 2012
Ingredientes:

1 Kg de amoras silvestres
0,5 Kg de açúcar gelificante (1 Kg açúcar normal, para quem não têm do gelificante)
2 paus de canela
1 casca de limão


Preparação:

Lave as amoras e deixe-as escorrer muito bem.
Num tacho deite as amoras, o açúcar, os paus de canela e a casca de limão.
Lume brando, mexendo de vez em quando.
No caso do açúcar gelidificante:
Depois de ferver, deixe ao lume cerca de 5 a 6 minutos e bata com a varinha mágica, depois é só colocar em frascos devidamente esterelizados. No caso do açúcar branco, depois de ferver, deixe ao lume, até apurar.
Nesta compota usei o açúcar gelificante, mas também poderia usar o gelificante de fruta + açúcar, ou somente açúcar.


domingo, 11 de novembro de 2012

Açúcar Gelificante

O açúcar gelificante, não é nada mais, do que açúcar ao qual é adicionado uma certa quantidade de pectina.
No final faz o mesmo efeito que o gelificante de fruta, que é adicionado ao açúcar. Neste caso este produto já possui os dois ingredientes o açúcar e a pectina, é o dois em um.
Este açúcar geralmente compro no supermercado Aldi (embalagem de 500g), mas apenas vende-se durante a época de fazer compotas.
À cerca de um ano, também surgiu no mercado outra marca de açúcar gelificante que podemos comprar em qualquer supermercado e que pertence à Sidul (embalagem de 750 gr).
O do Aldi costuma ser o mais apetecível a nível económico, pelo que nunca utilizei outro.
Este açúcar é mais caro que o açúcar normal, mas julgo compensar, porque poupamos em tempo e gas ou electricidade.
 

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Salmão em Papelote

 
A Becel lançou à pouco tempo no mercado um novo creme vegetal líquido, rico em Ómegas 3 e 6. Com menos 30% de gordura que o azeite, é uma forma saudável e prática de cozinhar, ajudando a manter os níveis de colesterol normais no sangue, em conjunto com uma alimentação saudável.
Esta é uma das muitas receitas que poderemos fazer com a sua utilização.


Ingredientes:

1 posta de salmão
sumo de uma laranja
1 clh. de chá de molho de soja ligth
meia clh. de sopa de Becel líquida
alecrim q.b.


Preparação:

Colocar o salmão sobre papel de alumínio e deitar por cima, o molho de soja, o sumo de laranja, a Becel líquida e o alecrim, que irá aromatizar o peixe e substituir a falta do sal.
Fechar a folha de alumínio deixando espaço entre o peixe e a folha, formando um papelote.
Forno a 180º, cerca de 15 a 20 minutos. Acompanhar com uma saladinha.

 

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Pudim Francês



Levei este pudim, feito em forminhas copo de metal pequenas, para uma saída de verão com amigos. E a mãe de uma colega minha gostou imenso e pediu-me a receita. Aqui fica então a receitinha D. Fernanda, demorou um pouco mas finalmente chegou. Já agora, se não se importa envia-me a sua receita do bolinho de chocolate e coco que eu adorei, hi... hi...
Este pudim é na realidade muito bom!!

Ingredientes:

1 clh. de chá bem cheia de farinha de trigo
200 g de açúcar
4 ovos
3 gemas
0,5 l de leite
sumo e raspa de meia laranja
meio cálice de vinho do Porto
caramelo liquído q.b.


Preparação:

Barre uma forma para pudim que possa ir o forno, com caramelo liquído.
Misture muito bem a farinha com o açúcar, junte-lhes os ovos e o leite, mexendo sempre, o sumo e a raspa de laranja e o vinho do Porto.
Vaze o preparado anterior na forma e leve a cozer em banho Maria no forno, durante 20 a 25 minutos.
Retire do forno e deixe arrefecer bem e só depois desenforme (geralmente faço num dia para utilizar no seguinte).
A  receita não diz a temperatura do forno, eu levei a 180º e demorou cerca de 30 minutos, mais ou menos. É questão de verificar com um palito.



Fonte: Teleculinária nº7 de 24/11/1982

sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Chocos com Chouriço



Esta foi a forma que escolhi para preparar uns chocos que tinha lá por casa, com ingredientes que tinha naquela altura disponíveis no frigorífico. Ficou bem bom.


Ingredientes:

1 Kg de chocos congelados tamanho 8/12
1 chouriço de carne
1 dl de azeite
1 cebola média
2 dentes de alho
1 folha de louro
4 tomates médios maduros
1 dl de vinho branco
sal e pimenta q.b.
oregãos q.b.


Preparação:

Comece por picar a cebola com os alhos e deite-os dentro de um tacho, juntamente com o azeite e deixe a cebola murchar um pouco.
Junte depois no tacho o tomate e deixe apurar um pouquinho.
Deita-se os chocos já limpos no tacho, bem como o chouriço partido em quatro pedaços e deixa em lume brando por alguns minutos, temperando com sal e pimenta.
Depois de quase pronto, retira do tacho e reserva. Refresca o molho com o vinho branco e salpica com umas folhas de oregãos. Deixa apurar um pouco.
Retira-se a pelo do chouriço e pica-se na picadora e envolve-se no molho dos chocos.




 

Papinha Doce Template by Ipietoon Cute Blog Design